segunda-feira, 8 de outubro de 2007




Quero alguém...

Alguém que não exija mais do que eu posso dar
que não me plante à espera, eternamente
sabendo que nunca vai chegar
porque o amor é via de mão dupla...
...

Quero alguém que saiba enxergar
além das suas próprias razões, o amor
e que nada mais tenha tanto valor
porque para mim, é sempre assim que será...

Alguém que não enxugue as minhas lágrimas
porque jamais vai provocá-las, e receba meu carinho
todo o amor que me açoita, represado em meu coração
sendo preterido (injustamente) por mera ilusão...
...

Alguém para caminhar na praia, de mãos dadas
sem pressa e sem se importar com nada
sem nunca partir, sem nunca chegar
porque estará ao meu lado, sempre, em todo lugar...

Alguém a quem eu possa revelar meus segredos
falar do paradoxo que reside em mim, que na verdade
nada mais é do que camuflagem, nessa selva
onde lutar sozinha é tão difícil, tão ruim...
...

Quero alguém que me ame, tanto quanto eu posso amar
na liberdade conquistada, sem mentiras, sem medo de nada
porque é assim que são os seres humanos verdadeiros
os cúmplices da vida e do amor, seus parceiros...

Quero alguém que doe apenas o que tiver de si mesmo
sem arrancar de mim, o quinhão da prenda a doar
causando-me tanto sofrimento, cansaço, lamento
que nenhum ser humano merece amor mendigar...

Eu quero alguém... que eu não tenha nunca que esperar
porque o sol está se pondo atrás da montanha
meu tempo de acreditar em utopias, fábulas, vai se findar
quando anoitecer... quando a lua chegar...

muito antes disso...
eu terei a quem amar!

Fonte: http://amigosdaotaepoesia.blogspot.com/

2 comentários:

Carlos disse...

Deixando um oi, seu espaço esta muito bom...

www.livreemcristo.com

Shekinah disse...

Adorei o post..diz tudo.
Não sei se fico contente ou triste depois de ler...

bju