Postagens mais vistas

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Chegou o momento da vida!

O desanimo é perigosa erva nadinha capaz de destruir a plantação de sues mais lindos sonhos. As dificuldades fazem parte do chamado “kit” sucesso. Vamos nos convencer de que tudo o que desejamos ainda não esta pronto, e, em assim sendo, razoável pensar que nada virá sem esforço, perseverança e ação. Se você almeja qualquer realização, saiba que barreias fazem parte da corrida denominada “felicidade”.

Entrega-se ao desanimo diante dos obstáculos é abrir mão de seus sonhos, é jogar na lata do lixo as suas metas é começar a morrer antes da hora.

Repare que seu pior momento na vida pode ser tanto o ensejo de você  abandonar se
us projetos, quanto pode ser o melhor instante de você reverter a situação armando-se de paciência, motivação e melhor qualificação.
O instante é o mesmo para que se rende ao fracasso ou para quem recupera ânimo para a vitória.

Esse é um conselho sábio que Chico Xavier obteve do mundo espiritual e que agora critica, em que talvez você esteja pensando em largar tudo. Calma. Pense a respeito. Não se entregue. Agora pode ser o instante precioso no qual você dará a grande virada em sua vida. Agora mesmo pode ser dado o primeiro passo em direção ao êxito, neste exato momento você pode começar a escrever uma linda historia de superação, coragem e heroísmo.


Lembre-se de que você não esta só nesta corrida. Alguém muito especial vela por você neste instante. Não importa o nome que lhe damos, importa saber que alguém lhe ama verdadeiramente. É provável que tenha sido ele quem lhe inspirou a chegar ate aqui e ler essa mensagem. É quase certo que essa força divina , que nos auxilia nos momentos de indecisão, tenha me inspirado a colocar esse texto. Fizeram isso porque tinham um endereço certo: você. 

Autor: José Carlos de Lucca

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

A vida é um só ponto.


“Lamentar um pouco Menos, Esperar um Pouco Menos, e Amar um Pouco Mais! “- André Comte-Sponville

Passado e futuro são inexistentes. Nascem da nossa insegura tentativa de enxergar o tempo como uma linha. Na verdade, a vida é um só ponto. No passado, residem apenas as lembranças do que já foi. Do outro lado, estão somente as esperanças do que há de vir. Nada além disso. Então, não alimente as magoas. Não cultive também as expectativas. Ate mesmo a mais criativa das ansiedades é incapaz de superar as graças da vida. Nos resta, com muito prazer, desfrutar o instante presente. Não lamentar o passado ou esperar por um inexistente futuro. 

Pareço pessimista?
 
Apenas pareço. Por trás destas palavras reside o mais realista otimismo. Afinal, a sua pratica nos torna livre para amar o agora (e amar agora).
É nesse instante do tempo que a felicidade existe.
Exige coragem, eu sei. Exige a capacidade de lidar com o incerto e não esperar nada do amanhã. 

Ousado demais? 

Talvez. Mas prefiro não alimentar as expectativas. Afinal, elas mordem (elas morrem).

Matheus Jacob – Homem que sente