quarta-feira, 7 de maio de 2008

Chutar o balde

Estou tão chateada com algumas coisas e pessoas. Atitudes hipócritas, gestos desonestos.

Estou cansada e com vontade de chutar o balde, trocar de cidade, semear outras sementes, regar outras plantas... Se não fosse tão medrosa acho que já teria feito, pois vontade é o que não falta... pegar minhas coisas, socar em uma mala e mudar de ares, sem rumo, sem destino, seria uma aventura, talvez uma maluquice ou então, a única saída.


O Andarilho


Percorro estradas

que não conheço.
desejo imagens
que não vejo.
vivo sonhos
infinitos.

....

("Fragmentos" – 1986)

18 comentários:

Landinho disse...

Não se desespere. Dificuldades são para nosso crescimento. Um beijo moca do sorriso contagiante.

xandih disse...

As vezes chutar o balde é a única maneira de ver o brilhante caminho que tem à frente, já que a unica coisa que você enxerga agora, é o balde.

wilson rezende disse...

Passando para deixar um beijo Dri, você é linda e forte.

Ricardo Rayol disse...

Se tem vontade mete a cara, não sei quantos anos tem mas está ainda na fase de ousar forte.

Everson disse...

Quem sabe realmente não chegou a hora de chutar o balde? tocar o barco pra frente, seguir outra direção mesmo, ruim é o marasmo, e otimo é viver sonhos infinitos...beijos e otima tarde a ti.

Bandys disse...

Drika,
As vezes precisamos mesmo chutar o balde...mas toda vez que agi em cima de emoção não foi legal. Tranquilidade para voce mudar o que voce pode. Uma super energia positiva pra voce.
Beijos

Georgia disse...

Oi DRika, te entendo. É mesmo uma decisao muito difícil. Mas tenho que te dizer que mudar de lugar nao vai tornar as coisas diferente e nem trazer pessoas que nao tenham defeitos. Todas elas vao te ajudar a construir o seu dia a dia. Mas tb nao devo dizer que vc deve ficar parada onde está se vc tem necessidades de sair. Ouse. Vc é jovem e tem o mundo aos seus pés.
Ah, o livro é muito bom mesmo. Vale a pena lê-lo. Mas ele é forte viu.

Grande beijo.

Patrícia Andréa disse...

Nossa, eu tb morro d vontad d sair da minha cidade ás vezes...

bjus

http://blogdapattyandrea.blogspot.com

jobofevi disse...

Calma querida. Já pensei muito em voltar para minha cidade Fortaleza, mas depois me acalmo e esqueço que pensei nisso. Um beijo.

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá minha querida Amiga, donde vem essa insatisfação ?
És uma menina linda, que tem toda uma vida á sua frente...
Relaxa, não fiques amargurada...
Tudo passa e amanhã é outro dia, como dizemos aqui em Portugal...Beijinhos de carinho,
Fernandinha

cilene disse...

Faca o que tem fazer para depois nao se arrepender e nao ser tarde demais

Sérgio Figueiredo disse...

ADRI minha Querida Amiga,

Essa atitude é dar a superioridade aos que nos humilham ou têm gosto em nos aborrecer constantemente. A melhor atitude não é seres tu a fugir mas sim fazeres valer a tua indiferença com eles porque eles sentirão que és forte e nada levam de ti. Desistem. Repara que se fugires para outro lado, volta a acontecer o mesmo com outros e voltas a fugir. Fá-los sentirem-se pequenos e mostra como és grande e sem nada que te preocupe.

Beijo Grande

Blue Angel disse...

Bem vinda ao clube... eu também mudaria de ares se pudesse.

Bom resto de semana

Nivea

Olá!! disse...

O pior que podes fazer na tua vida é DEIXAR DE FAZER...
Beijossssssssss

Marcinha* disse...

Tudo é experiência, só vc pode passar por isso...tudo passa...até nós! Bjokas

LOURO disse...

Olá amiga,ás vezes é preciso chutar o balde, para deitar-mos para fora a raiva que vai dentro de nós,mas mudar,para depois se arrepender,relaxa,que amanhã será outro dia.

beijinhos

Lourenço

Cacau disse...

Às vezes tbm tenho vontade de chutar o balde e sumir, mudar tudo,começar denovo. Mas no impulso, agindo só na emoção, pode não ser a melhor opção.

Se cuida Dri, calma, lembre que nem todos os dias são de tempestades, logo as nuvens passam e o sol volta a brilhar.

Bjos

paula barros disse...

Escrevi sobre chutar o balde, ainda não postei.
No meu caso eu chutei, não sei se foi o melhor, pelo menos estou aliviada, menos sufocada.

Nem sempre dá para chutar o balde. Pensar, refletir, procurar ter discernimento, tentar esvaziar um pouco o balde para ver se resolve.

Desejo que saibas o melhor a fazer, e o melhor momento.
abraços