sexta-feira, 11 de julho de 2008

Primeiras horas sem celular...


Primeiras horas sem celular... me sinto perdida...

Após o trabalho sempre tenho que pegar ônibus ou para ir para casa ou para ir a faculdade... nessas horas sempre costumo olhar a hora no celular para ver se estou atrasada ou se o ônibus é que esta, bom e sem celular isso acaba sendo uma tortura psicológica... penso que preciso saber a hora, penso que preciso procurar o celular na bolsa, mas ai lembro que estou sem o bendito celular... mais alguns instantes se passam... a vontade de saber que horas são aumenta... me sinto uma viciada em crise de abstinência, rs... por fim lá vem o ônibus... entro e arrumo um lugar pra sentar...qualquer lugar que olho vejo alguém com celular na mão, que aflição... fico imaginando, aonde estará que está meu pequeno e indefeso celular???... um celular toca, de principio da uma ansiedades e logo penso: será que é o meu???? .... relaxa Adri, você não tem mais celular...

Chego em casa e após cancelar o chip e contar o acontecido para as pessoas que moram comigo... alguns sensibilizados oferecem um celular usado para que eu não fique sem comunicação, outros querem dar um novo de presente, mas me recuso, pois quero ver ate onde consigo ir sem esse maldito aparelho que nos encanta cada dia mais... preciso arrumar alguma coisa que faça barulho as 7:00 da manha para que eu acorde e possa trabalhar... mexendo na minha caixa de sucata, ressuscito um celular pré histórico, meu 1º celular, algo que pesa mais ou menos 5kg...rs, mas ainda continua fazendo barulho, porem vai precisar ficar ligado a noite toda na energia, pois a bateria já era faz tempo... após uma noite mal dormida, preocupada se o dinossauro rex iria despertar ou não e aflita em saber por onde anda meu lindo e esbelto celular... desperto e logo dou de cara com minha mãe oferecendo um celular ... sou forte e recuso insistentemente ...

Faz algumas horas que estou sem celular e confesso estou quase desistindo de tentar viver sem...

10 comentários:

Landinho disse...

É difícil ficar longe da tecnologia.

sergio EM FÉRIAS disse...

NO MUNDO GLOBALIZADO, OS MEIOS DE COMUNICAÇÃO SÃO INDISPENSÁVEIS... ABRAÇO E BJ QUERIDA

alma disse...

Ruim com ele..pior sem ele..kkkk
Bjusss bom FDS..

paulo disse...

Boa noite minha querida amiga:D!! Mais um passeio por este universo encantador p olhar as novidades e lhe desejar um finalzinho de semana repleto de paz, saúde e muitas alegrias!! Beijinhos no coração!!!

Dannyell disse...

hahaha
meu brinquedo eh o mesmo modelo da imagem

kk

Everson disse...

Olham meu amor, não quero te desanimar não, mas é impossivel nos dias de hoje ficar sem o danadinho, e vou te avisando logo,,,,esse da foto então é o maximo,,,,muito bom,,,,tenho ele....rs...rs...beijos carinhosos pra voce e um lindo final de semana pra ti....e se entrega logo, compra um...rs

Sonia Regly disse...

Depois que acostumamaos com esse aparelhinho maravilhosos, é horrível ficar sem ele. Têm post novo lá no Compartilhando as Letras, apareça por lá.

A Abiose Maringaense disse...

Passei para desejar um bom fim-de-semana.

Cláudia (essencialmentefeminina.zip.net) disse...

bom dia miguxa!!!gostei do relato,mais afinal o q realmente aconteceu,vc perdeu ou foi assaltada?estou supondo q foi a segunda opção.eu particularmente detesto celular,p q não gosto de ser localizada,pra falar a verdade detesto telefone,pra mim só serve para o caso de grande emergência,na maior parte do tempo o cel fica desligado e o fixo tbm,rsrsrrs...mais enfim cada um com seu cada qual.q seu final de semana seja maravilhoso e compra logo este celular!!!rsrsrsr...grande beijo!

New disse...

Oiêeee!
Estou me sentindo um alienígena aqui. Amo tecnologia, informática e afins. No entanto, consegui não ser escrava de celular. Acho até que ele tira meu sossego e minha privacidade. Prá mim é um direito sagrado.
Lembre-se que nada é indispensável muito menos insubstituível, ok? E calma que tudo se ajeita. Logo terá outro em mãos e estará vivinha da Silva.
Beijocas e bom domingo.